logo

Seja Bem-Vindo(a)

Utilizamos diversos tipos de terapias energéticas manuais, cursos e palestras visando melhor qualidade de vida para nossos clientes e parceiros.

Segunda à Sexta das 9:00 às 18:00

(41) 4101.7008 | (41) 99687.5938

Rua Brigadeiro Franco, nº 1017 - Centro

Nos siga nas redes sociais

Topo

Julgamento

Julgamento

Dentre as coisas mais danosas para as relações entre as pessoas o julgamento é sem sobra de dúvidas o pior de todos. Energeticamente o julgamento nada mais é do que nosso desejo interno de controlar a outra pessoa a partir de nossas experiências e história pessoal de vida.

Antes de abrir nossa boca para querer “ajudar” alguém devemos avaliar se aquilo que iremos dizer vai realmente servir para o outro ou se é apenas um desejo de controle.

Precisamos avaliar qual pensamento e sentimento nos movem, devemos considerar nossa atitude interna, muitas vezes, o que falamos provoca dano irreversível na relação com a outra pessoa.

Para ilustrar o que digo sobre julgamento leia esta estória que você talvez até já conheça:

Conta uma lenda que dois monges atravessavam uma área deserta e, diante de um rio violento, avistaram uma linda jovem que tentava atravessá-lo sem sucesso. Um dos monges, vendo a aflição da mesma ofereceu ajuda, pegou a mulher no colo, e não sem dificuldades, atravessou o rio, com segurança. A jovem abraçou-lhe agradecida, comovida com o seu gesto, e ambos seguiram seus caminhos.

Retornando a jornada imediatamente, o outro monge, que assistiu a tudo calado, repreendeu o amigo durante todo o caminho, falando do contato carnal que houve com aquela jovem, da tentação de ter aquela ação mais direta com uma mulher, que era proibido pelas suas leis, sem contar o pecado e a imaginação daquilo que ocorrera. E durante todo trecho do caminho, esse monge falou sobre a mulher e sobre o pecado cometido pelo outro, até que ao chegar à porta do mosteiro aquele que ajudou a jovem na travessia falou:

– Querido amigo, eu toquei na jovem e atravessei o rio com ela e lá eu a deixei, mas você a trouxe até aqui em seus pensamentos, entendo tudo o que me disseste e gostaria de pedir que você também a deixe fora destes portões.

O que precisamos entender é que o julgamento nos coloca um desejo de ser superior ao que é julgado.

Fiquemos atentos a isto. E não se esqueça;

Seja próspero, livre e feliz, você nasceu para isto.

Paulo Cesar Dorta
Terapeuta

Mestre em Reiki Tibetano, atua como profissional em terapias complementares nas áreas de Sintonia Quântica, Apometria, Florais de Bach e Reiki. Realiza o desenvolvimento e aprimoramento de profissionais terapêuticos e público em geral.

Sem comentários

Poste um comentário